Buscar
  • abequadros

EPI eficaz não é apto a afastar a especialidade pelo risco da exposição a tensões superiores a 250v



A Turma Regional de Uniformização dos Juizados Especiais Federais (TRU/JEFs) da Justiça Federal da 4ª Região realizou no dia 30 de agosto sessão de julgamento.

Ao todo foram pautados hoje 163 processos das competências cível, previdenciária e plenária da TRU. A reunião foi presidida pela vice-coordenadora dos JEFs, desembargadora federal Vivian Josete Pantaleão Caminha.

Ente os destaques da sessão, está a decisão proferida no julgamento do PUIL n.º 5001728-30.2015.4.04.7012/PR, de relatoria do Juiz Federal Vicente de Paula Ataíde Junior, que firmou a tese de que o uso de EPI’s não é apto a descaracterizar a especialidade pelo risco na exposição a altas tensões, devendo ser fixada a tese de que “o EPI considerado eficaz não é apto a afastar a especialidade pelo risco da exposição a tensões superiores a 250 volts”.


Fonte: site IEPREV

1 visualização